O pesquisador brasileiro Rafael Guimarães dos Santos , colaborador do Núcleo de Estudos Interdisciplinares sobre Psicoativos (NEIP), mudou-se para Barcelona (Espanha) para realizar pesquisa sobre a ayahusaca sob orientação do Prof. Dr. Jordi Riba.

Título: Estudo sobre o mecanismo de ação da Ayahuasca em humanos: pré-tratamento com ritanserina e buspirona. Tese de Doutorado em Farmacologia, Universitat Autònoma de Barcelona, Barcelona, Espanha, 2006 (previsão de conclusão: 2009).

Resumo:

O objetivo geral desta pesquisa é o de fornecer dados complementares ao projeto ” Farmacologia dos psicodislépticos [alucinógenos] em humanos (ayahuasca): Áreas cerebrais implicadas, caracterização farmacocinética / farmacodinâmica após administração repetida e bloqueio dos efeitos psicotomiméticos “, financiado pelo Ministério da Ciência e Tecnologia da Espanha. O projeto pretende aprofundar a compreensão sobre os aspectos farmacológicos da ayahuasca. Enfatizam-se especialmente os aspectos neuroanatômicos, psicofisiológicos e neurofisiológicos associados à administração aguda da ayahuasca.
O objetivo concreto e específico do estudo é o de determinar a implicação dos receptores serotoninérgicos 5-HT 2A e 5-HT1A na gênese dos efeitos subjetivos, neurofisiológicos, neuroendócrinos e de ativação fisiológica da ayahuasca. Será avaliada a capacidade da ritanserina e da buspirona para antagonizar os efeitos gerados pela ayahuasca. A hipótese do estudo afirma que a ritanserina e a buspirona serão capazes de bloquear os efeitos alucinogênicos da ayahuasca por mecanismos distintos: antagonismo competitivo sobre o receptor 5-HT2A (ritanserina) e efeito agonista parcial sobre o receptor 5-HT1A (buspirona).

Para entrar entrar em contato com Rafael: banisteria@gmail.com

Comments are closed.