Mercante, Marcelo Simão. Images of healing: spontaneous mental imagery and healing process of the Barquinha, a Brazilian ayahuasca religious system. Tese de Doutorado em Ciências Humanas. Saybrook Graduate School and Research Center, 2005.

Abstract:

This dissertation investigated the hypothesized interdependent nature of subjective and objective elements of conscious experience within a spiritual context. This was done by studying the spontaneous mental imagery (the mirações) of people under treatment in the Centro Espírita Obras de Caridade Príncipe Espadarte (the Center). The center is a congregation of the Barquinha, a Brazilian syncretic religious system that uses the psychoactive beverage Ayahuasca (locally called Daime) as a sacrament.

The ethnographic method, involving experiential observation of the religious and symbolic universe of the Center, was used for investigating the Center’s history, the healing techniques implemented during rituals, the concepts of healing and sickness among healers and patients, and the relationship between mirações and the healing process. Several narratives about mirações and healing experiences were collected on site, and five were analyzed more carefully.

The conjunction of ingestion of Daime and the participation in the ceremony appeared to reliably promote the occurrence of the mirações. These were considered by the participants as a process of inner perception, the moment when different entities (physical body, thoughts, feelings, culture, emotions, mind, soul, spiritual space, etc.) become connected within their conscious awareness. The experience of mirações was considered to be the source of healing. At the Center, sickness is considered to have a spiritual source, being understood as an unbalance of forces. Healing is considered to be accomplished when one puts oneself into a hypothetical “current of healing energy” that is felt during the ceremonies.

Mirações mediated and made conscious a coherent and workable whole that encompassed the ritual, the Daime, the processes of self-transformation/ knowledge/ exploration, elements of the individual’s consciousness and physiological condition, and factors in a spiritual space. Mirações were believed to occur in a spiritual space, thought to be nonmaterial and multidimensional, nesting and informing the material world. This spiritual space is perceived as basic, generating dispositions, intentions, and meanings, and as containing within it the physical and psychological levels of existence. The exploration of that space during a ceremony was considered to accelerate one’s spiritual development.

Resumo: Imagens de Cura: Imaginação Mental Espontânea e Processos de Cura na Barquinha, um Sistema Religioso Amazônico

Esta dissertação investiga a hipótese da natureza da interdependência de elementos subjetivos e objetivos na experiência consciente em um contexto espiritual. Isto foi feito através do estudo da imaginação mental espontânea (as mirações) de pessoas em tratamento no Centro Espírita Obras de Caridade Príncipe Espadarte (o Centro). O Centro é uma congregação da Barquinha, um sistema religioso brasileiro sincrético que utiliza a beberagem psicoativa Ayahuasca (localmente chamada de Daime) como um sacramento.

O método etnográfico, envolvendo a observação experiencial do universo religioso e simbólico do Centro foi utilizado para investigar a história do Centro, as técnicas de cura empregadas durante os rituais, os conceitos de cura e doença entre curadores e pacientes, e a relação entre as mirações e o processo de cura. Algumas narrativas sobre as mirações e experiências de cura foram coletadas, e cinco foram analisadas mais cuidadosamente.

A conjunção da ingestão de Daime e da participação nas cerimônias aparementemente promove a ocorrência das mirações. Estas foram consideradas pelos participantes como um processo de percepção interna, o momento quando diferentes entidades (corpo físico, pensamentos, sentimentos, cultura, emoções, mente, alma, espaço espiritual, etc.) se conectam na consciência. A experiência das mirações foi considerada como a fonte da cura. No Centro, a doença é considerada como tendo uma fonte espiritual, sendo entendida como uma desequilíbrio de forças. A cura é considerada como obtida quando o paciente se coloca dentro de uma hipotética “corrente de energia de cura” que é sentida durante as cerimônias.

As mirações mediam e tornam consciente, formando um todo coerente e trabalhável, elementos como o ritual, o Daime, os processo de alto-transformação/conhecimento/exploração, elementos da consciência individual e condições fisiológicas, e fatores do espaço espiritual. As mirações aconteceriam dentro do espaço espiritual, entendido como um espaço não-material e multidimensional, que por sua vez forma e engloba o mundo material. O espaço espiritual é percebido como básico, gerando disposições, intenções e significados, e que contém dentro de si o níveis de existência físico e psicológico. A exploração deste espaço durante as cerimônias é vista como importante para o aceleramento do desenvolvimento espiritual.

Clique aqui ou vá em www.neip.info, textos, “textos afins” e ache a tese por ordem alfabética.

Para entrar em contato com Marcelo: mercante@excite.com

Comments are closed.